As Dificuldades da Inserção da Sociedade Civil nas Políticas Públicas em Angola

Autores

  • Rodrigo de Souza Pain Centro Angolano de Altos Estudos Internacionais

Resumo

Este artigo tem por objetivo apresentar os caminhos percorridos pela sociedade civil angolana em contextos de conflito. A população sofreu com repressão colonial, tambêm vivenciou o autoritarismo do Partido Ênico após a independência e sentiu os efeitos da guerra civil quase ininterrupta de dêcadas entre o governo do Movimento Popular de Libertação de Angola (MPLA) e forças da União Nacional para a Independência Total de Angola (UNITA). Mudanças importantes na sociedade civil organizada aconteceram após a passagem da experiência socialista para o sistema multipartidário. Porêm, a continuaçãodo conflito armado inibiu em boa medida a voz dessa sociedade que buscava a paz. O fim da guerra trouxe novamente esperanças e grandes desafios para essa sociedade que ainda hoje sente os traumas de tanta instabilidade e constrangimentos. A dificuldade de inserção nas políticas públicas constitui elemento importante nesse artigo

Downloads

Como Citar

Pain, R. de S. (2018). As Dificuldades da Inserção da Sociedade Civil nas Políticas Públicas em Angola. Revista Intellector - ISSN 1807-1260 - [CENEGRI], 5(09), 01–20. Recuperado de http://revistaintellector.cenegri.org.br/index.php/intellector/article/view/203

Edição

Seção

Artigos/Articles